Brasil recebe missões internacionais
Brasil recebe missões internacionais

O Brasil tem recebido e continuará a receber até o final do ano missões sanitárias de vários países, visando renovar ou habilitar estabelecimentos de carnes que exportam a estes mercados.

Segundo o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento – MAPA o país recebeu recentemente, entre outras, missões da China e União Européia. Atualmente o País recebe as missões de Estados Unidos e Chile e até o final do ano ainda receberemos as missões da União Econômica Euroasiática - Rússia, Cazaquistão, Bielorússia, Armênia e Quirguistão, Bolívia, República Dominicana, Cuba, Peru, México e Coréia do Sul.

Na relação de estabelecimentos a serem vistoriados pelas missões internacionais encontram-se unidades de abate e processamento de bovinos, suínos e aves, além de fábrica de laticínios e de farinhas de carne. O que demonstra não só a diversidade dos produtos agropecuários nacionais, mais também a aceitação dos rígidos padrões de qualidade desenvolvidos pelo Serviço de Inspeção Federal brasileiro, por parte de países de todos os continentes.

Merece destaque também a grande distribuição do parque agroindustrial nacional, sendo que estas missões internacionais visitarão estabelecimentos nos estados de: Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás, Minas Gerais, São Paulo, Tocantins, Bahia e Rondônia.

Este reconhecimento internacional é fruto de um efetivo e constante trabalho por parte de toda a cadeia do agronegócio nacional, que inclui produtores rurais, médicos veterinários e outros profissionais ligados ao agronegócio, agroindústrias tanto de insumos quanto de abate e processamento de animais e produtos e os órgãos de defesa sanitária animal nos estados (sob coordenação do MAPA).

Se existe um Brasil que é exemplo para o mundo, pode-se dizer que é o Brasil rural. Mesmo com a crise econômica o setor sempre surpreende e auxilia o País na geração de emprego e renda e no superávit de nossa balança comercial, trazendo recursos externos para o Brasil.

SAÚDE E INSPEÇÃO ANIMAL

 

topo