PUC-Minas contra a Leishmaniose
PUC-Minas contra a Leishmaniose

Sendo Minas Gerais um dos estados onde a incidência de casos de Leishmaniose é elevado, a Pontifícia Universidade Católica de Betim (PUC Minas Betim) – por meio do Centro de Estudos em Clínica e Cirurgia de Animais (CECCA), do curso de Medicina Veterinária – realiza o II Agosto Verde: mês de prevenção à Leishmaniose.

Com o objetivo de promover a integração entre universidade e sociedade, para a conscientização, discussão e implementação de ações que combatem a doença, o evento de lançamento da campanha destacou a contribuição de todos para uma formação humanista, ética e solidária.

Além do evento de lançamento, durante o mês de agosto, os graduandos e professores do curso de Medicina Veterinária do Campus Betim podem participar de diversas ações sobre cuidados e prevenção à Leishmaniose Canina ao público visitante do Hospital Veterinário PUC Minas.

O evento de encerramento da segunda edição do Agosto Verde contará com palestra com o tema “Leishmaniose Visceral Canina”, no próximo dia 30 de agosto, às 19h30, no auditório da PUC Minas Betim (Rua do Rosário, 1081, bairro Angola).

A Leishmaniose visceral (conhecida também como calazar) é uma doença letal que afeta o ser humano e tem o cachorro como o seu maior reservatório em áreas urbanas. Vide matérias:

LEISHMANIOSE VISCERAL CANINA – CALAZAR

CALAZAR É QUESTÃO JUDICIAL

CASOS DE CALAZAR AVANÇAM NO SUL DO PAÍS

 

Fonte: Assessoria de Comunicação PUC Minas

 

topo